Los Angeles – Sydney (Qantas A380-800 / Classe Econômica)


  • Los Angeles (LAX) – Sydney (SYD)
  • Qantas (QF 12)
  • Airbus A380-800
  • Ida: ETD 10:00pm / ETA 6:10am / Duração: 15:10hrs

Hora de cruzar o pacífico rumo à Austrália, um país que há tempos eu tinha vontade de conhecer. Também seria a primeira vez voando no A380, e o voo mais longo onde eu embarcaria. Ou seja, expectativas enormes!

Chegamos no terminal Tom Bradley do aeroporto de Los Angeles (LAX) e seguimos pra fila de check-in da Qantas, onde rapidamente fomos atendidos e despachamos nossas malas.

Eu já havia marcado meu assento online, e resolvi comprar o assento da saída de emergência pois – em tese – teria mais espaço pros pés. E também não tem o assento da janela, o que é bom porque seriam só os dois assentos pra mim e minha esposa (sem um terceiro “estranho”), mas ruim porque sem o assento da janela, você fica sem apoio pra encostar o braço ou a cabeça. O fato é que durante o voo cheguei à conclusão de que não vale a pena pagar AUD180 (cerca de USD130) por um assento com mais espaço pois ele, além de não ter o assento da janela, fica na saída de emergência, o que impede de colocar qualquer ítem pessoal nos pés, além de ser muito mais frio do que os outros assentos, também, por estar ao lado da porta de saída de emergência. Bem, lição aprendida, vamos ao voo.

Passamos pela segurança e fomos conhecer o lounge da OneWorld usado pela Qantas e outras empresas da aliança. Me impressionou o despreparo do pessoal da recepção. O funcionário pegou meu cartão do LANPASS, viu meu nome e perguntou quem era Lucas Guterres (???), olhando com uma cara de desconfiado enorme. Bem, eu dei a resposta óbvia e entramos no salão.

Lá dentro, tudo sensacional. Estava muito movimentado, afinal muitos voos sairiam naquele horário, mas a sala era realmente muito grande, e conseguimos achar lugares pra sentar. O buffet era muito variado, bebidas e comidas de todos os gostos. Passamos cerca de duas horas no local até seguir pro nosso portão de embarque.

Chegando a hora do embarque, que foi iniciado respeitando as prioridades, seguimos pra nossa fila. Imaginava que seria bem confuso, já que mais de 400 passageiros embarcariam na aeronave. Não mesmo. Tudo muito tranquilo e civilizado. Nada como não estar no Brasil.. rs

Cruzamos toda a aeronave até chegar no nosso assento, lá no final do primeiro piso. Me impressionei com o tamanho e a largura da cabine. Muito grande! O assento de cara parecia bem confortável. Nos acomodamos e fomos recepcionados por um comissário australiano extremamente simpático. Daqueles que fazem a diferença no voo!

Após finalizado o embarque, recebemos o cardápio do que seria servido durante o voo. Achei sensacional, mesmo em classe econômica, receber um cardápio com várias opções de refeição.

O “mega-jumbo” decolou silenciosamente, e cerca de 40 minutos depois foi iniciado o serviço de bordo. Eu havia solicitado uma refeição com restrição de lactose, e como foi a primeira vez que fiz isso, estava meio tenso de ser algo que eu não comesse. Digamos que não tenho um paladar do tipo que come qualquer coisa. Me surpreendi! Era um peito de frango com arroz, cenoura e brócolis. Tudo extremamente saboroso. Ainda veio um muffin e um outro bolo. Recebi meu jantar bem antes dos outros passageiros, o que foi bom por um lado, mas ruim por outro pois só recebi a bebida quando foi iniciado o serviço de fato.

Terminado o jantar, tomei um remédio pra dormir já que o voo teria mais de 15 horas, mas antes fui dar uma rápida volta pelo avião. No fundo do avião tinha uma galley cheia de comes e bebes à disposição dos passageiros. Refrigerantes, águas, sucos, frutas (!), biscoitos, etc. Muito bacana!

Voltei pro meu assento, dei uma brincada no extenso arquivo de entretenimento e apaguei pelas próximas 9 horas! Acordei na hora que estavam começando a servir o café da manhã que, assim como no jantar, recebi o meu antes dos demais. Era um ovo mexido com batatas e linguiça. Não gostei, mas estava muito bem feito.

Cerca de uma hora depois, iniciamos a descida rumo à cidade de Sydney junto com o amanhecer. Era mais ou menos 6 da manhã quando tocamos a pista, num pouso também extremamente silencioso.

Iniciamos o desembarque e me despedi – com agradecimentos – do comissário extremamente gentil que nos atendeu e auxiliou com gentileza durante todo o voo!

Minha experiência com a Qantas não poderia ter sido melhor!

Categorias:A380-800, Aeronaves, Airbus, Avaliações de Voos, Classes, Companhias Aéreas, Economica, QantasTags:, ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: